Policia Militar realiza operação para reprimir crimes durante invasões de terrenos

Assunto muito discutido nas últimas semanas, as invasões de terrenos tem registrado um aumento considerável nas primeiras semanas de 2017. Ganhando mais visibilidade dos parnaibanos e da imprensa local; foram expostos crimes ambientais, furtos de água e luz, e outros fatores negativos das invasões. Em ação conjunta com outras organizações municipais, a policia militar realizou a operação responsável por reprimir crimes praticados durante as invasões de terrenos.

Furto de luz e água

A ação em conjunto foi realizada pela Policia Militar, Eletrobrás e Agespisa.

A polícia militar, com ação ostensiva, para evitar represálias e resistência por parte da população do local, acompanhou o trabalho da empresa fornecedora de energia da cidade, para fiscalizar furtos de energia elétrica praticados na zona. A operação teve a coordenação do Oficial CPA (Comando de Policiamento de Área), com a Força Tática, motopatrulhento, módulo I, e VTD do Gaecim como apoio. A empresa de energia elétrica, Eletrobrás, recolheu fiações irregulares, coibindo furtos de energia elétrica, enquanto a empresa de fornecimento de água, Agespisa, fiscalizou canos irregulares, que poderiam interferir no abastecimento de água dos lares parnaibanos.

Crime ambiental

Em outras áreas, a força operacional encontrou indícios de crimes ambientais; no Carnaubal, foi encontrado um empregado desmatando uma área em que o desmatamento sem autorização dos órgãos responsáveis é proibido.

A reportagem a seguir é de Kaio Amaral, da TV Meio Norte:

2,674 total views, 1 views today

Veja também